Fluminense de Feira de Santana Futebol Clube - Bahia

Fluminense
Jacuipense
21/11/2018 ás 16:00:00
Estádio Eliel Martins - Valfredão - Riachão do Jacuiípe
Notícias

Publicada em 02 de Janeiro de 2018 ás 14:01:12
Goleiro ex-Vitória, Deola curte fase ‘”mentor”’ no Touro do Sertão

Divulgação
Aos 34 anos, Deola quer ajudar o Flu de Feira dentro e fora dos campos



De volta à Bahia após cinco anos, o goleiro Deola, 34 anos, surpreendeu a todos e acertou a sua ida para o Fluminense de Feira – antes, em 2012, foi atleta do Vitória. Mas engana-se quem pensa que o jogador de hoje é o mesmo dos tempos de Barradão.
 
Além de atleta acostumado a fazer grandes defesas dentro de campo, chegando a ser considerado o substituto do 'São Marcos' no Palmeiras, ele também assumiu a função de líder e mentor dos mais jovens nos últimos clubes pelos quais passou – o último foi o Taboão da Serra, que disputou a série A3 do Paulistão este ano.
 
"O goleiro treina para evitar erros. Nosso trabalho não é só dentro de campo. No Taboão da Serra, eu fiz esse papel de mentor. Era para sermos os últimos do campeonato. Melhoramos a autoestima dos meninos. Esse trabalho de fortalecimento melhorou eles. Mostramos que é possível vencer os adversários considerados mais fortes", contou.
 
Durante sua carreira, Deola também se dedicou ao empreendedorismo. Em paralelo ao futebol, ele também atua na área de network marketing. Segundo o arqueiro, que também presta consultoria no setor, esse tipo de empreendedorismo ajuda as pessoas a blindar a mente e ter uma mentalidade vencedora.
 
Mas Deola está consciente: se essas qualidades extras que ele traz ao clube não forem refletidas dentro de campo, com atuações convincentes, não vale de nada.
 
 
O arqueiro chegou ao Touro com status de maior contratação da temporada, mas ele acredita que o 'peso' na aquisição dele pelo Flu foi muito mais pelo nome que carrega, como ex-jogador do Palmeiras. "Não tenho o maior salário do clube, por exemplo. Mas vim continuar meu trabalho aqui", disse.
 
Para Deola, o principal fator que o fez acertar com o Flu foram as pretensões do time para a temporada. "Conversando com pessoas do clube, vi que os objetivos do time eram bons. Brigar para subir de divisão no nacional e fazer boa campanha no Campeonato Baiano. Fazer uma boa Copa do Brasil... Fluminense de Feira é um grande clube para você botar o seu nome", disse, antes de acrescentar que o fato de retornar à Bahia também pesou na escolha pelo Flu. "Gosto muito do estado, do povo baiano. Já conheço a comida, o povo... a adaptação está indo bem. Só tem que tomar cuidado com as comidas com dendê", brincou, aos risos.
 
Mas nem tudo são flores na vida de Deola, que ficou conhecido nacionalmente na época em que era goleiro do Palmeiras – clube com quem teve contrato entre 2000 e 2015. Ele sofreu há dois anos com algo parecido com um início de depressão – ele ressalta, porém, que não chegou a ser diagnosticado. Foi neste momento que o goleiro encontrou a religião, que o acompanha desde então.
 
"Eu estava num tempo não tão legal na minha vida. Foi aí que conheci um pastor em Fortaleza e conversei com ele. Fui vendo que as coisas que ele dizia eram verdade, pesquisava até na internet para conferir. Venho de família católica, mas não levava tão a sério. Hoje sou mais feliz. Estou mais próximo dos meus familiares", contou. "Jogava no Palmeiras, tinha um bom salário, mas não era feliz na minha vida pessoal. Hoje sou mais realizado", completou o arqueiro.
 
Temporada 2018
 
O Fluminense de Feira está fazendo pré-temporada em Santo Estêvão, a 155 km de Salvador. A torcida poderá ver o mentor Deola estreando oficialmente na temporada no dia 18, às 16h (da Bahia), no estádio Eliel Martins, o Valfredão, contra o time do Jacuipense, pela primeira rodada do Campeonato Baiano.


FONTE: A Tarde online
 
Cristiano Alves - Ascom Fluminense de Feira

 

 
Mais Notícias
18 de Janeiro de 2018 ás 16:13:12
Para Evandro, adiamento não atrapalhou preparação do Flu

17 de Janeiro de 2018 ás 13:31:35
FBF divulga RDI-01/18 com alterações na tabela do Baianão 2018

17 de Janeiro de 2018 ás 13:23:35
Flu tem estreia no Baianão modificada: o adversário agora é o Atlântico

16 de Janeiro de 2018 ás 13:43:12
Flu se programa para estrear em Riachão do Jacuípe

15 de Janeiro de 2018 ás 17:22:31
FBF e Rede Bahia lançam o Baianão 2018

Apoio